log

RSS Feed
LASTEST POSTS

May 31, 2016

Please reload

WELCOME !!!
My name is Ana Braganca.
I am an architect with a master degree in Architectural Design, nevertheless my biggest passion is contemporary jewellery design.
Here, you will find  not only my projects, confessions and questions but also the works of those I admire. Hope you like it and also to hear from you! 
ARCHIVE
Please reload

TAGS
FOLLOW ME
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • icon_edited
RSS Feed
f you believe my blog abuses your copyrights or if you see any information incorrectly credited, please contact me.
Regarding my work (texts, pictures, products, photographs),
I apreciate you respect copyrights.

COLLECTIVA MEETING '19 : 180 artistas de todo o Mundo no Porto, em Setembro

September 6, 2019

Cartaz evento : Collectiva Meeting '19 _ Pregadeira de Raluca Buzura

 

 

A Collectiva, uma plataforma independente de joalharia de autor, apresentará pela segunda vez uma sublime mostra de joalharia contemporânea que reune designers de todo o mundo no Porto. A exposição, com venda ao público, inaugura a 21 de Setembro, no Centro Comercial Bombarda. 

 

Seis designers portuguesas fundaram a Collectiva com o intuito de promover joalharia contemporânea, expondo e divulgando o trabalho de autores tanto nacionais como internacionais. Depois do êxito da primeira edição da Collectiva Meeting em 2018, decidiram mais uma vez cumprir a sua missão, trazendo desta vez ao Porto o trabalho de 180 joalheiros de todo o mundo. 

 

A exposição inaugura a 21 de Setembro, no âmbito das Inaugurações Simultâneas de Miguel Bombarda, e contará com a presença de vários autores portugueses e estrangeiros no dia de abertura. A mostra irá estar em destaque no hall central do Centro Comercial Bombarda bem como na loja-galeria Collectiva também aí situada, permanecendo até final de Outubro.  

 

 

Colar de Adriana Del Duca_ Coleção Ave del Paraiso

 

 

 

A seleção resulta de uma convocatória internacional à qual acederam mais de 250 candidaturas. A curadoria ficou a cargo da Collectiva, tendo por base critérios de inovação e criatividade. Entre os 180 autores selecionados, contam-se mais de 50 nacionalidades, com destaque para Japão, Coreia do Sul, Mexico, Brasil, Argentina, Israel, Rússia, Estados Unidos, Canadá, Países Nórdicos, Alemanha, Reino Unido, Itália, Turquia, Grécia, entre outros. 

 

 

 

 

Pregadeiras de Elli Xippa , coleção Escudo e Deniz Turan, coleção Despit

 

 

 

 

Como explicam as designers fundadoras da plataforma “Quando lançamos a primeira edição da Collectiva Meeting, no ano passado, era com o intuito de fazer um evento que se tornasse um ponto de encontro anual de joalharia contemporânea em Portugal, onde os artistas teriam a oportunidade de, não só expor o seu trabalho, mas também de interagir e partilhar experiências entre si. O resultado foi extremamente positivo e, a avaliar pelo número crescente de candidaturas e trabalhos fantásticos que apresentaremos este ano, estamos seguras que vamos mais uma materializar a nossa visão de promover a joalharia de autor como forma de expressão artística.”

 

Variedade de conceitos, materiais atípicos bem como fontes de inspiração invulgares serão apresentados nas heterogêneas propostas desta mostra. “Queremos desmistificar a ideia que a joalharia de autor é um produto de nicho. A diversidade criativa que apresentamos nesta exposição mostra como a joalharia contemporânea oferece propostas para todos os gostos, e que apesar de uma grande maioria das peças serem únicas, não deixam se ser democráticas e acessíveis ao público ” - acrescentam as fundadoras.

 

 

 

 

Colar de Hee-ang Kim, Coleção Bloom and Wither

 

Além da exposição e venda das coleções, os autores selecionados irão ainda habilitar-se a vários prémios.

 

A plataforma convidou um painel de especialistas para atribuir o “Prémio Collectiva Meeting”, em que três marcas serão convidadas a integrar a loja-galeria pelo período de três meses, e ainda o “Prémio Portojóia”, que irá eleger uma seleção de 8 a 10 marcas para o espaço Collectiva Meeting na principal feira de joalharia nacional, de 26 a 29 de Setembro.

O júri convidado é formado por:

- Carlos Silva (Embaixador de Portugal no Art Jewelry Fórum);

- Carla Solheiro (directora da escola de joalharia Alquimia-Lab),

- Dan Piersinaru (fundador e director da feira internacional AUTOR),

- Fátima Santos (Secretária geral da AORP – Associação de Ourivesaria e Relojoaria de Portugal)

- Liliana Guerreiro (consagrada designer de joias)

- Olga Noronha (celebre designer de joias e curadora do Museo del Gioiello em Veneza).

 

Mais há mais. A Faire Magazine e a Roof Magazine associaram-se ao evento e cada uma irá premiar uma marca com um editorial e uma entrevista, respectivamente,  exclusivos nas revistas. O público é também convidado a votar no seu autor de eleição, que terá entrada direta na Collectiva Meeting de 2020.  

 

Susana Cabrera , Coleção Textile Jewelry

 

Sendo uma plataforma independente de joalharia de autor, a Collectiva reúne os trabalhos de seis jovens criadoras permanentes e oito convidadas, que alteram periodicamente. Integram a Collectiva, de forma permanente: Ana Bragança Jewellery, Ana João Jewelry, Lia Gonçalves - Joalharia de Autor, Mater Jewellery Tales, Marta Pinto Ribeiro Contemporary Jewellery e Susana Teixeira. Formadas em arquitetura, design, arte e até matemática, as autoras encontraram na joalharia a sua linguagem criativa. Todas as peças são feitas manualmente e muitas são de edição limitada. 

 

 

Para mais informações:

COLLECTIVA 

CCB - Rua Miguel Bombarda no 285, Loja 5 - PORTO

Tlf. 961585054

Email: collectiva5@gmail.com

Facebook: @collectivajoalhariadeautor

Instagram: @collectiva_joalhariadeautor

 

 

Please reload